• JP Carvalho

JACKDEVIL: O grito de resistência do Heavy Metal é um ato político


By Wargods Press

Em recente entrevista na revista virtual Rock Meeting, o JACKDEVIL detalhou seu retorno com a formação original e todos os planos para o futuro. No bate-papo entre a editora Pei Fon e o guitarrista Ric Mukura houve espaço para falar sobre a volta de André Nadler (vocal/guitarra) e Filipe Stress (bateria) para as fileiras do “Zeca Diabo”, bem como assuntos voltados à política do Brasil. Em determinado trecho da entrevista, Mukura dá sua opinião, “Não acho que seja obrigação de ninguém se tornar militante ou se envolver com política de alguma forma direta simplesmente por curtir som pesado, mas de fato existe uma veia ideológica muito forte no gênero, e quem escuta deveria no mínimo estar ciente disso. O ser humano é um animal político. O grito de resistência do Heavy Metal é um ato político.”.

Com planos de lançar um novo álbum ainda no primeiro semestre de 2019, Mukura deixou claro o direcionamento musical: “O que posso adiantar é que ele vem mais rápido, mais agressivo, mais maduro. Mantemos nossas influências do Thrash old school, do Heavy Metal oitentista e do Speed Metal. Acima de tudo, como acho que o single demonstra bem, o Jackdevil se mantém como Jackdevil, não fugimos de nossas raízes.”.

Leia a entrevista completa na edição nº110 da Rock Meeting:

https://issuu.com/rockmeeting/docs/rockmeeting110

Contatos:

Facebook: www.facebook.com/jackdevilband

Instagram: www.instagram.com/jackdevilband

Assessoria de Imprensa: wargodspress@gmail.com

#WargodsPress #Apoio #Parceiros #Suporte #BandasHordas #Notas #Jackdevil

As opiniões expressas nesse site são de responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente a opinião de seus editores.

Site criado por JP Carvalho da JPGraphix, para Metal No Papel 2017 / 2020 - Todos os direitos reservados.

O site Metal no Papel tem sede à Rua Joaquim do Lago, 339 Casa - Balneário Mar Paulista, São Paulo, SP

CEP: 04463 - 080 - mnp.metalnopapel@gmail.com