• JP Carvalho

D.I.E., depois de muita polêmica, volta ao ar o clipe da música autointitulada.


Há quatro anos umas das mais interessantes e polêmicas bandas do cenário da música pesada nacional, o D.I.E., teve o vídeo clipe para a sua música autointitulada, censurado e retirado do ar nas plataformas digitai, sob a alegação de uso indevido de imagens e conteúdo impróprio. Nada demais para nós que estamos mais que acostumados a censura de mídia sociais, pelos mais diversos motivos e alegações.

O vídeo de D.I.E. foi gravado em 2016 com participação de muitos amigos da banda e do guitarrista Jão, do Ratos de Porão, que interpreta o personagem principal do drama, a gravação se deu em várias locações, em São Paulo e Botucatu, e foi exatamente na cidade natal da banda que a trama se desenrolou.

Com a locação principal para a filmagem e a autorização de seus proprietários liberada, se deu início ao processo de personificação das ideias. Tão logo foram concluídas a filmagem e a edição o vídeo clipe entrou no ar nas plataformas digitais em março de 2016, que se mostrou uma ótima ferramenta para a divulgação do

EP, também autointitulado, lançado em 2012 e que renovou o interesse do público pela banda.

Em junho do mesmo ano, com apenas três meses de vinculação, o vídeo foi retirado do ar sob alegação do proprietário da locação de uso indevido de imagens de sua empresa para a propagação de conteúdo contrário as suas verdade e crenças, e mesmo a banda apresentando documentos assinados pelo mesmo, provando que ele fora informado com antecedência do conteúdo pesado das filmagens e com isso, estava agindo de má fé, a justiça retirou o vídeo do ar em todas as plataformas possíveis.

Agora, depois de uma batalha de mais de quatro anos, o D.I.E. e com o arquivamento do processo, nós borramos os frames com o logo da tal empresa e subimos ele com essas correções em nossas plataformas digitais e perfis da banda.

“As pessoas agiram de muita má fé com a gente, abriram a empresa para nós, dissemos a eles que íamos gravar um vídeo pesado, com cenas fortes, e eles até nos deram uma força, emprestaram ferramentas e tudo e logo depois processaram o Google. Foram dois processos na verdade, um contra o Google e outro contra o Facebook e quando descobrimos isso, reunimos as provas, mas o juiz não aceitou nossa alegação e manteve o processo e a sentença”, mas agora isso é passado, disse Hell Hound, guitarrista da banda.

Nesse meio tempo a banda já lançou outro EP, (D.I.E. II de de 2016), outro vídeo clipe e o single mais recente “The New Order”.

Confira aqui o vídeo clipe de D.I.E.:

Formação:

Charles Guerreiro - Vocals Hell Hound - Guitar Roger Vorhees - Bass Mortiz Carrasco - Drums

Contatos:

https://web.facebook.com/dietheofficialband/

https://www.instagram.com/dieofficialband/

https://www.youtube.com/channel/UCFZtzDubbiOcLc0VCdrTcNA

#Apoio #Notas #TheNewOrder #DIE

As opiniões expressas nesse site são de responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente a opinião de seus editores.

Site criado por JP Carvalho da JPGraphix, para Metal No Papel 2017 / 2020 - Todos os direitos reservados.

O site Metal no Papel tem sede à Rua Joaquim do Lago, 339 Casa - Balneário Mar Paulista, São Paulo, SP

CEP: 04463 - 080 - mnp.metalnopapel@gmail.com