top of page
  • Foto do escritorMaria Correia

Manifesto Bar recebe Udo Dirkschneider e Tim "Ripper" Owens em abril


Vocalistas farão tour em conjunto, com Udo tocando

Accept e Ripper com set de Judas Priest

Os vocalistas Udo Dirkschneider e Tim "Ripper" Owens irão fazer uma turnê em abril na qual tocarão exclusivamente material de suas ex-bandas: Udo com um set recheado de clássicos do Accept e Ripper com músicas do Judas Priest. Esta será a primeira vez neste formato, com os dois vocalistas dividindo a turnê. Em São Paulo, o evento será realizado no dia 23 de abril (domingo), a partir das 17h, no Manifesto Bar. A banda que acompanhará os vocalistas será composta pelos brasileiros Johnny Moraes (guitarra, Hevilan e Warrel Dane), Fabio Carito (baixo, Trend Kill Ghosts e Warrel Dane) e Marcus Dotta (bateria, About2Crash, Vikram e Warrel Dane). "Estou muito contente em dividir o palco e sair em turnê ao lado de meus antigos parceiros na banda do saudoso Warrel Dane para tocar com essas duas lendas do heavy metal mundial. Udo e Ripper são artistas responsáveis por eternizarem em suas vozes clássicos do estilo e mal posso esperar para tocar em dose dupla! Nos vemos na estrada", comentou o baixista Fabio Carito.


O alemão Udo Dirkschneider fez história com o Accept, permanecendo na banda durante os anos de 1976-1987, 1992-1997 e 2005. Além de discos fundamentais do heavy metal, como "Breaker" (1981), "Restless and Wild" (1982), "Balls to the Wall" (1983), "Metal Heart" (1985) e "Russian Roulette" (1986), também têm uma extensa e importante carreira solo, com 17 álbuns de estúdio, sendo "Game Over" (2021) o mais recente, EPs e discos ao vivo. Nesta turnê, Udo vai focar exclusivamente no material clássico do Accept, tendo hinos como "Balls to the Wall", "Metal Heart", "Restless and Wild", "Breaker", "London Leatherboys", "Princess of the Dawn", "Son of a Bitch", "Midnight Mover" e outras. "Tenho me dedicado à música pesada desde que conheci esse tipo de música. São muitos anos e tem sido muito bom para mim, em todos os sentidos. Sempre quero fazer alguma coisa. Um disco, uma turnê... Eu gosto de trabalhar. Continuarei com isso enquanto tiver saúde, voz, puder fazer turnês e estiver me divertindo", comentou o vocalista à revista Roadie Crew.


Já o americano Tim "Ripper" Owens, que ficou famoso após integrar uma das principais bandas de heavy metal de todos os tempos, Judas Priest. Em 1996, Ripper teve a missão de substituir Rob Halford e o fez com maestria, gravando os álbuns "Jugulator" (1997) e "Demolition" (2001), além do ao vivo (e vídeo) "Live in London" (2002/03). Apesar de bem mais jovem que Udo, Ripper também tem uma extensa discografia, gravando com Iced Earth, Winter's Bane, Yngwie Malmsteen, Beyond Fear, Charred Walls Of The Damned, KK’s Priest, entre outras, além de sua carreira solo. Se no show anterior no Manifesto Bar, ocorrido em 2019, Ripper cantou clássicos de Ronnie James Dio, Judas Priest, Rainbow e Black Sabbath, desta vez irá focar o set list exclusivamente em músicas do Judas Priest de sua fase, como "Burn in Hell", "One on One" e "Hell is Home", além de clássicos como "The Ripper", "Metal Gods", "Painkiller" e "Electric Eye".


Serviço:

Atrações: Udo Dirkschneider e Ripper Owens

Data: 23 de abril (domingo)

Horário: a partir das 17h

Local: Manifesto Bar

Endereço: Rua Iguatemi, 36, Itaim Bibi, São Paulo/SP

Classificação: 16 anos


Ingressos antecipados online:

Pista Meia: Lote 1 R$ 180,00

Pista Promocional: Promocional 1 kg de Alimento Lote 1 R$ 180,00

Camarote Meia: Meia Lote 1 R$ 350,00

Camarote Promocional: Promocional 1 kg de Alimento Lote 1 R$ 350,00


Fonte: ASE Music Press

Comments


bottom of page