top of page
  • Foto do escritorMaria Correia

Neste natal, Loss presenteia os fãs com versão de clássico dos Beatles


Crédito Foto: Gustavo Dragunskis

A banda mineira também se prepara para lançar um novo álbum e fazer sua segunda turnê na Europa em 2024

A Loss é a afluência da experiência e singularidade características da cena mineira de rock pesado. Natural da capital BH, a banda é capitaneada por Marcelo Loss (vocal e baixo) que foi fundador do grupo Concreto, com o qual gravou sete álbuns, sendo que o último contou com baterias gravadas por Vinny Appice (Black Sabbath, DIO). Na bateria da Loss, Teddy Bronsk que também já passou pelo Concreto e foi o fundador da lendária banda Witchhammer, uma das pioneiras do metal nacional na década de 80, com quem gravou quatro álbuns.


Por fim, também é integrante da Loss o guitarrista Adriano Avelar que traz no currículo trabalhos ao lado de importantes nomes da música, desde compositores como Marku Ribas e Klinger, a rappers como Xis, Deleve, Thales Dusares e o ex-Planet Hemp, Speed Freaks.


A bagagem desse trio de músicos da Loss justifica o som vanguardista que fazem. Seja nos trabalhos autorais, como o EP "Let’s Go" (2020), o álbum “Storm” (2022), e os singles “Até Quando” (2021), “The Light” (2021), “The Storm” (2023) e “The Mirror” (2023), como também em covers que apresentam nos shows ao vivo e agora também em estúdio: caso da versão que acabam de lançar para “I Saw Her Standing There”, clássico dos Beatles.


“No ano em que os Beatles nos presentearam com o que tem sido chamado de a “última música da banda”, nós decidimos prestar essa homenagem aos nossos ídolos”, comentou Marcelo Loss. “Enquanto os ingleses lançaram “Now and Then”, fruto de um pequeno milagre tecnológico ao se resgatar uma música de John Lennon gravada em sua casa nos anos 80, nós decidimos ir nas origens do quarteto de Liverpool com essa gravação de “I Saw Her Standing There”, a primeira faixa do primeiro álbum dos Beatles, “Please Please Me”, lançada há 60 anos!”


A versão da Loss de “I Saw Her Standing There” foi gravada em BH no Analog Dream Studio e mixada e masterizada em Atenas, na Grécia, por Jim Siou.“Como essa foi nossa primeira experiência em estúdio com um trabalho não autoral, nos preocupamos em manter a estrutura da música original, sem deixar de adicionar o peso e a energia característicos do nosso som”, concluiu Marcelo.



Para ouvir a versão de “I Saw Her Standing There” da Loss, acesse:


Para 2024 a Loss prepara o lançamento do single “Leaving” além de um novo álbum cheio. O trio também está negociando datas para sua segunda turnê europeia.


Mais Informações:  


Fonte: Som do Darma

Comments


bottom of page