top of page
  • Foto do escritorMaria Correia

ROYAL RAGE anuncia show com o TORTURE SQUAD em Curitiba


Créditos da foto: Odair Soares

A banda de Thrash Metal ROYAL RAGE anuncia seu próximo show, que será realizado no dia 31 de março ao lado do TORTURE SQUAD em sua cidade natal, na casa de shows Blood Rock Bar. Com ingressos custando R$ 40,00 antecipados e abertura programada para as 17h, o evento faz parte da turnê de divulgação do último álbum do TORTURE SQUAD, o elogiado “Devilish”, lançado em setembro do ano passado. Prestes a completar 35 anos de atividades, o grupo paulistano tem em seu rol de clássicos os álbuns “Asylum of Shadows” (1999), “Hellbound” (2008) e “Far Beyond Existence” (2017), este último, o registro de estreia da vocalista Mayara “Undead” Puertas ao line-up.


Para comprar ingressos para o show, acesse:



Os anfitriões da quase “matinê Thrash”, ROYAL RAGE, trabalham nos preparativos finais para o lançamento do aguardado segundo álbum “Evolve”, que será lançado no decorrer do ano pela gravadora espanhola Slipstrick Records. Com Pedro Ferreira (guitarra/vocal), Sol Perez (guitarra), Airton Senna (baixo) e Tiago Rodrigues (bateria) no line-up, a banda promete superar o debut com as músicas “Evolve”, “Lampião", “Bloodlust”, “Real Dolls”, “Khan”, “Eyes of Glass”, “Into the Abyss”, “Virtual Hell”, “Cheap Addiction”, “Your Brain Will Fall”, “Seize the Pain” e “Disease and Decadence”.


Dentre as faixas que farão parte de “Evolve”, algumas já foram lançadas em formato de single, vídeo clipe e lyric vídeo. “Bloodlust” (2019), “Khan” (2020) e “Eyes of Glass” (2020), mostram a capacidade do grupo em produzir Thrash Metal de qualidade, aliado à uma pegada moderna e inspirada. Sobre “Eyes of Glass” o guitarrista e vocalista Pedro Ferreira nos deu alguns detalhes sobre sua capa e temática em seu lançamento: “A arte não poderia deixar de representar os grandes ícones da manipulação via mídia brasileira. Eu detesto tomar partido político e não gosto de discutir religião, mas era impossível criar uma capa dessas sem celebridades do meio. Olhando para os anos 2000 e lembrando dos programas de domingo à tarde da TV aberta, é meio bizarro pensar que alguns chegaram até 2020 sem precisar de um psicólogo. Às vezes eu paro e penso que estamos mais conscientes e esclarecidos, mas essa é uma realidade de que poucos desfrutam. Quebrar os grilhões da “liberdade” é mais difícil do que parece, e infelizmente tem quem goste desse estado e vai lutar com unhas e dentes para permanecer nesse estado. Parece que o mito da caverna de Platão, não era mito.”


Assista ao vídeo de “Eyes of Glass”:


Ouça o single “Eyes of Glass” no Spotify:


Contatos:

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br


Fonte: Wargods Press


Comments


bottom of page